O que é APLV – alergia a proteína do leite de vaca?

O que é alergia ao leite?

Alergia ao leite de vaca (APLV) é o tipo mais comum de alergia alimentar (AA)!

Alergia alimentar (AA) é a reação adversa (despropositada, inesperada, anormal) do sistema imunológico (sistema de defesa do organismo) às proteínas dos alimentos. A ocorrência de alergia alimentar vem aumentando no mundo como um todo. Estima-se que 6% das crianças menores de três anos e 3,5% dos adultos apresentam algum tipo de alergia alimentar.

  • Para compreender melhor a alergia alimentar é importante lembrar alguns conceitos básicos sobre o sistema imunológico e sobre a digestão das proteínas.

Os oito alimentos mais alergênicos são: leite de vaca, soja, ovo, trigo, peixe, frutos do mar, amendoim e castanhas. Para os bebês que não têm leite materno disponível, a Alergia à Proteína do Leite de Vaca (APLV) é a mais complicada de ser tratada, visto que o leite é o principal alimento nesta fase da vida, tendo um papel fundamental no crescimento e desenvolvimento da criança. Por esta razão, os esclarecimentos a seguir utilizarão como exemplo a APLV, embora os sintomas, diagnóstico e tratamento das alergias a outros alimentos sejam parecidos, mudando-se apenas o alimento responsável por ocasionar a alergia.

  • Fatores associados ao desenvolvimento da alergia alimentar

Na APLV o organismo da criança não reconhece uma ou mais proteínas do leite de vaca (caseína, alfa-lactoalbumina e beta-lactoglobulina) e reage a elas.

Aproximadamente 1 em cada 20 bebês tem APLV!

  • Quais são os tipos de alergias alimentares? Que sintomas podem ocorrer?
  • Como pode ser feito o diagnóstico da APLV?
  • Como é o tratamento da APLV? A APLV tem cura?

O tratamento da APLV consiste na realização da dieta de exclusão por no mínimo 6 meses. O sucesso do tratamento das alergias alimentares depende do adequado seguimento da dieta. Quase sempre a APLV tem cura! Grande parte dos pacientes desenvolve tolerância ao alimento após 2 anos de idade. Para verificar se houve este desenvolvimento de tolerância, novos TPOs deverão ser realizados a cada 6 a 12 meses. Portanto, seja paciente, apesar da dieta de exclusão ser muito difícil, ela poderá garantir a cura da doença e uma vida futura sem restrições alimentares.

Fonte: http://www.alergiaaoleitedevaca.com.br/entenda_alergia.php?id=34

29 comentários sobre “O que é APLV – alergia a proteína do leite de vaca?

  1. Meu nome á Bianca e a cerca de um mês meu filho, Miguel Artur, de cinco meses (irá completar seis meses no próximo 25) foi diagnosticado com APLV. A princípio achei que o único cuidado que deveria ter era somente excluir o leite de vaca e seus derivados da minha dieta, e assim o fiz.
    Mesmo com a dieta percebi que ele não melhorava. Continuavam os gofos constantes e as lesões na pele também persistiam, aliás foram as lesões na pela que levou o pediatra a constatar que ele está com APLV, ele não fez nenhum exame de sangue pois o pediatra afirmou que com a idade dele poderia dar um falso negativo.
    Para melhor entender essa alergia, que até então era totalmente desconhecida por mim, comecei a fazer pesquisas na internet e foi quando conheci esse e outros sites que esclarecem nossas dúvidas e explicam como lidar com a APLV. Foi quando percebi que o que eu estava fazendo não era o suficiente. eu não sabia que eu tinha que ler os rótulos dos alimentos e também dos produtos de higiene e outros usados por mim e pelo emu filho. Foi aí que descobri que o biscoitinho de água e sal que eu estava consumindo achando que seria inofensivo a alergia do Miguel continha leite em pó, também descobri que a torradinha que eu também julgara inofensiva também continha traços de leite e outros alimentos que estava consumindo achando que não tinha leite e seus derivados e na verdade tinha algum traço dele. Confesso que fiquei bem estressada. E quando soube que até os utensílios usados por ele também deveriam ser separados dos demais para não correr o risco de contaminação cruzada aí o desespero foi total. Como eu chorava. Fiquei imaginando quando ele ficar maior e não poder comer os mesmos alimentos das outras crianças e quando for em uma festinha de aniversário ter que levar as guloseimas separadas, nossa……………me deu uma sensação terrível. Chorava cada vez mais.
    Passado o susto e o desespero percebi que a coisa não é tão feia assim, percebi que só preciso ter mais atenção e disposição para tornar essa situação mais leve.
    Eu sei que o Miguel pode levar uma vida normal como as outras crianças e comer como elas, mas de maneira modificada e até mais saudável, kkkk.
    É isso aí pessoal, minha jornada só está começando, conto coma a ajuda e a paciência de vocês. Quero compartilhar esse momento com vocês que aprenderam como lidar com essa realidade.
    Um abraço em todas!!!

    • Olá Bianca… a sua jornada começou parecida com a de muitas de nós =) A gente vai aprendendo a cada dia, o que importa além dos cuidados é manter a esperança da cura! Boa sorte pra vc e seu Miguel! Um abraço! Samanta

    • Oi
      Meu filho tbm sofreu muito até descobrir q ele tinha APLV, ele tem hoje 1ano e 9 meses descobri em junho do ano passado.
      quando descobri fiquei igual a vc desesperada tudo vai leite k, não tem sido fácil mas Deus nos dá força p cada dia superar .eles não são doentes são crianças normais como as outras apenas c restrições alimentares.

  2. cuidei de um bebe com aplv nunca pensei que fosse tao dificil pra uma mae ter um filho com aplv. e muito rigorosa essa dieta. gracas a Deus com seus dois aninhos hoje ele esta curado. valeu a pena todo cuidado que essa mae teve. aqui em munha casa que ele ficou durante nive meses tambem tinha todo cuidado do mundo com ele, porque vi como ficou sua pele quando reagiu ao leite.

  3. Olá…ainda estou na batalha com pequeno Lorenzo de apenas 4 meses. Ele apresentou melhora com leite neocate, mas ainda da uns vômitos grandes…as vezes de se apavorar mesmo. Introduzi as frutas e ele aceitou muito bem. Cada dia é um dia inesparado com ele….saber como vai aceitar leite….

  4. Meu filho Igor,tem APLV,desde os 4 meses quando descobri. Foram dias de muito sofrimento,de reacoes terriveis,anos e anos lutando contra os alimentos a base de leite,caseina ou caseinato. Hoje ele esta com 13 anos e eu nao consigo expressar com palavras a felicidade de saber que meu filho esta curado,ainda esta no Hospital das Clinicas de PoA,RS,internado fazendo os testes.
    Ja tomou 100ml de leite,sem reacao alguma.Eh realmente um grande milagre de Deus em nossas vidas.
    Agora terei que pagar minha promessa,de dar a FESTA que ele nunca ganhou.
    Agradeco a toda equipe de medicos e enfermeiras do hospital que acolheu,tratou,curou e trouxe de volta a alegria de viver em nossas vidas.
    Obrigado por tudo!♡♡♡♡

  5. Minha jornada tbm está só no começo. .minha filha foi diagnosticada com APVL ,ela fará 4 meses dia 16, o único sintoma q nos levou ao diagnóstico foi as fezes com pequenos vestígios de sangue, não é todo dia nem em todos os cocôs q temssangue,mas dia sim outro não aparece! !! Alguma mãe com esse tipo de sintoma com seu baby? ???#chateada

    • Minha Helena teve sangue nas fezes. Assim que o tratamento estiver correto ele irá desaparecer. Um abraço e boa sorte!

      • Tenho fé que com a dieta vai dar tudo certo e os pontinhos de sangue vão sumir! !!! DEUS NO COMANDO SEMPRE!!!!!

    • Olá, lendo o seu comentário me identifiquei. Munda bebê tem 50 dias e TB tem este sintoma de vestígio de sangue nas fezes. Gostaria de saber se o seu foi confirmada mesmo a APLV e o tratamento?!!

  6. Meu filho de 4 anos teve aplv e se curou aos 2. Meu segundo filho está com 2 meses e tb tem aplv, ele faz fezes com sangue. Como ele só mama, estou fazendo dieta a 3 semanas mas continuo vendo sangue nas fezes. Não lembro qt tempo demora pra vermos resultados positivos após início da dieta. Estou arrasada.

    • Sei bem como vc está se sentindo,tbm estou fazendo a mesma dieta q vc a quase 1 mês e ainda continua aparecendo pontinhos de sangue em algumas fezes da minha menina. …É bem complicada essa dieta pois qualquer deslize vai td por água abaixo e recomeçamos td do zero.
      Até um kit de louça nova tive que comprar pois usando a mesma do resto da família tinha contaminação cruzada.Se Deus vai dar tudo certo com a nossa dieta e nossos bebês vão ficar bem e se curar
      AMÉM! !!! OBS:MINHA FILHA FECHA 5 MESES DIA 16/10, SEGUNDO O PEDIATRA DELA E A GASTRO O QUE DESENCADEOU A APLV NELA FOI A VACINA ROTAVIRUS, DEI A PRIMEIRA DOSE COM 2 MESES E COM 4 MESES NÃO DEI A SEGUNDA A PEDIDO MÉDICO. ..Será que não aconteceu a mesma coisa com seu bebê tbm em função dessa vacina? ???

  7. A qtd de sangue diminuiu mas mesmo depois de 1 mês de dieta ainda o vejo nas fezes…isso corta o coração. Não sabia que a vacina rota vírus poderia desencadear essa alergia…Vou conversar com a gastro. Obg e espero que nossos babies melhorem a cada dia.

    • Vão melhorar sim se Deus quiser! !!!não aguento de vontade de comer um chocolate, deveria alguém que se importasse com essa situação e inventasse algo tipo chocolate, brigadeiro, doces de crianças em geral pra adultos e crianças q tem esse tipo de alergia. É tão difícil ficar lendo rótulo por rótulo de produtos e qdo finalmente achamos alguma coisa ao chegar em casa e ligar pro SAC dizem que o produto tem traços de leite ou as máquinas q fabricam o produto são compartilhadas com outros alimentos que possuem leite. .affff,é bem difícil achar alguma coisa! !!!
      Descobri que podemos comer sem medo os biscoitos e cokies da JASMINE, é super gostoso, e tem tbm o chocolate em pó 50% cacau da Nestlé (2 frades)e H2O de limão. ..tudo indicado pela minha nutricionista! !!! Espero ter ajudado em alguma coisa! !!! Qualquer dúvida estou a disposição,é bom ter alguém que possamos trocar idéias e dividir experiência! !!! Até mais! !!

      • Naiara querida… existem várias receitas na internet de “docinhos funcionais”… e dependendo da alergia vc pode se informar no 0800 das empresas que fabricam chocolates de soja pra ter certeza de que não há traços. Um abraço!

      • oi flor descobri que na cacau show tem uma trufa sem traços de leite zero lactose e zero glúten quase Morro comendo kkkk

  8. Olá! Eu tenho 27 anos e descobri hoje que tenho alergia tardia ao leite de vaca. Minha nutricionista me passou uma dieta de 90 dias tirando completamente o leite e derivados, e eu simplesmente me sinto arrasada e sem saber como vou conseguir excluir o leite do meu dia-a-dia. Estou procurando na Internet relatos de adultos que tem essa alergia mas só encontro sobre crianças. Gostaria de saber se em adultos também há chance de cura. E se puderem me ajudar com receitas ou dicas de alimentos que eu posso ingerir, ficarei grata! Obrigada.

    • Tem adultos sim, conheço uma, mas desconheço a questão da cura =( Quanto a alimentação, procure por receitas vegans de modo geral, vai achar muitas opções! Um abraço e boa sorte!

  9. Meu pequeno João foi diagnosticado as 8 meses de idade e iniciamos a dieta, hoje ele tem 1 ano e 4 meses. Fizemos o teste do leite dia 30/12/15 nada de reação, mas hoje uma semana depois ele começou com diarreia e assaduras, será que é uma reação tardia? A proxima consulta esta marcada pro proximo mês. A medica falou que qualquer sintoma eu suspendesse o leite e voltasse ao neocate. Ele estava amando e eu mais ainda ver meu filho comer bem e engordar um pouco. E agora vai ser uma luta pra ele aceitar o neocate novamente e olhe que ele só tomava dormindo. Alguém passou por isso tb? Estou extremamente frustrada. Bjs em todas

    • Olá Diana. Muitos fatores podem dar diarreia, como dente, alguma outra infecção. Fique atenta e contate a médica se possível para lhe auxiliar. Boa sorte e melhoras!

  10. Oi meu filho tbm tinha alergia a priteinas do leite..eu descubri quando ele tinha 6 meses..ai pra frente nao dei mais leite pra ele e nem os derivados..não fiz tratamento..só orava..e esse ano ele começou a orar comigo e graças a Deus hoje ele tem 3anos e toma o leite e os seus derivados .mas cada caso é o caso..eu q tive a fé de orar..mas tbm temos q ir ao médico. .bjs fiquem com Deus.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s